anne.

Programação de Gramado



Olá gracinhas, tudo bem com vocês? Eu estou ótima, um pouco nostálgica hoje, mas super bem. Hoje o post vai ser contando como foi minha programação em Gramado, os lugares que eu fui o tempo que eu passei e um pouco do que  gastei por lá, depois virão posts contando um pouco de cada lugar que eu fui, esse é mais resumido e mais objetivo. 

Vamos lá?! Primeiramente eu comecei a planejar 3 meses antes e minha mãe tirou as passagens pra mim pelos pontos que temos na Tam, que ela tem na verdade haha mas enfim... Os pontos foram uns 14 mil ida e volta de Brasília pro aeroporto de Porto Alegre, de lá eu peguei um ônibus pela Citral que ia direto pra rodoviária de Gramado, custou uns R$40,00 e demorou duas horas e meia pra chegar lá. 

Chegando lá eu peguei um táxi pra pousada que eu ficaria hospedada pelos próximos dias, a pousada Belluno, qu e por sinal é uma maravilha, eu adorei e super recomendo a quem for. Depois de me acomodar e carregar o celular me arrumei e fui dar uma volta pela cidade, já era noite então eu tava procurando um lugar pra jantar e como eu tava hospedada bem no centro foi bem fácil achar um lugar pra ir, jantei no armazém do Bill na rua coberta, um lugar delicioso e com um atendimento d primeira.



Meu segundo dia eu comprei o ticket do bustour e fui passear pelos pontos turísticos da cidade, primeira parada que desci foi o lago negro, lugar encantador e super romântico, aproveitei e passei na torre da Rapunzel que também é um lugar bem gostoso de visitar, vale a pena. 
No mesmo dia fui pra Canela, almocei por lá num self serviço divino e comi uma sobremesa no Braziliano, lugar maravilhoso e super recomendado pela minha amiga Andreia. Acabei comprando um tapete por lá e tive que voltar imediatamente pro hotel kkkk 

O pior foi, eu tinha comprado ingressos pra ir em 5 museus diferentes que eu ia passar na volta a Gramado, mas naaaaao eu tinha que me apaixonar pelo enorme tapete de ovelha que eu vi por lá depois que eu paguei é que vi a besteira que tinha feito, o tapete era grande e pesado, e eu tinha que voltar com ele pra gramado e passar nos museus. 

Minha ideia era ir direto pro hotel depois voltar nos museus antes deles fecharem, cheguei no hotel as 16h e os museus fechavam as 18h eu tinha duas horas pra ir em cinco museus e não perder o último ônibus de volta pra Gramado, era um plano audacioso, mas poderia dar certo. 

Primeiro museu era o de cera e logo ao lado dele ficava o da Harley moto show, visitei os dois em quarenta minutos, parece muito tempo mas eu estava literalmente correndo pelos museus, foi bem engraçado. Consegui pegar o ônibus pro próximo museu, era o super carros, e pronto. Não deu mais pra ir em nenhum outro museu, voltei para o hotel e me arrumei pra sair à noite. Nem tudo estava perdido, descobri no dia seguinte que o ingresso do museu valia por cinco dias, então ainda poderia visitar os outros dois museus yaaaay.

Só pra atualizar vocês financeiramente o bustour custa R$60,00 reais para uma pessoa por um dia e você pode pegar em nos pontos marcados nos horários e descer quantas vezes quiser naquele dia, eu achei que valia a pena e para os clientes que ali estavam tinha uma promoção de comprar cinco ingressos por R$99,00 reais, para os museus, sendo que a entrada de cada um era cerca de R$50,00. Então valia muito a pena. À noite eu sai pra jantar num restaurante de fondue pertinho do hotel, uma sequência maravilhosa de carne e molhos dos quais nunca me lembrarei o nome, porque eu só gosto do molho rose haha.




No dia seguinte foi dia de Snowland, um parque de Neves que tem lá em Gramado, o taxi do centro pra lá custou R$35,00 a ida e mais R$40,00 a volta. Não me perguntem porquê a diferença kkkk a entrada pro parque é R$99,00 e se vc quiser ter acesso a montanha de neve é R$130,00. As aulas de esqui ou snowboard custam R$130,00 cada uma e vale a pena porque não é uma aulinha qualquer, você sai de lá sabendo mesmo, não eu porque sai no meio da aula, mas isso é pra um outro post kkkkk

Lá tem Wi-Fi super boa, já que não têm sinal de celular, tem dois restaurantes de pizza e sanduíche, nada de comida, tem umas lojinhas super legais de souvenir de chocolate, tem uma pista de patinação no gelo e tem a montanha de neve, onde é -5 graus, muito frio, mas super legal. 

Logo após o almoço eu sai de lá, estava mega cansada e dormi durante a tarde, me arrumei e sai pro centro novamente.  À noite eu sai pra jantar num restaurante italiano chamado Belle, e comi um macarrão ao molho branco com camarão delicioso e um vinho excelente, e lá eles buscam e deixam no hotel como cortesia.




No dia seguinte foi mais passeio no bus tour, fui pra Canela, andei no bondinho, como numa churrascaria em canela e visitei os museus restantes, fiz mais compras e me diverti a beça por lá. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário