anne.

Primeiro passo


          Um dia desses eu decidi que estava na hora de tomar uma atitude para emagrecer então me matriculei na academia que tem perto da minha casa. Boa parte influência da minha mãe, mas vamos combinar que uma hora ou outra eu ia criar coragem. Então estava matriculada, resolvi comprar roupas novas para começar os treinos e fui. Primeiro dia quase morri, eu olhava pro relógio que marcava o tempo da esteira com dor no coração (juro que doía fisicamente), mas eu repetia pra mim mesma que precisava dar o primeiro passo pois esse era o mais difícil, o mais ardo. Todo mundo sabe que quando damos o primeiro passo a caminhada que vem se torna mais simples. 
            Segundo dia de academia e eu estava repetindo pra mim mesma: a mais difícil, então encara isso e depois pronto o resto vem fluindo, basta dar o primeiro passo. Depois da primeira semana me peguei falando a mesma coisa, é o primeiro mês, depois pronto. Na aula de pilates eu custei a começar um certo movimento com as pernas, mas eu dizia pra mim mesma que eu precisava ao menos começar (primeiro passo de novo) e depois que eu comecei o movimento eu parei pois é muito complicado.
       Lembrei do meu vestibular, passei 3 anos estudando durante o ensino médio, fazendo cursinho, refazendo provas antigas, grupo de estudos com os amigos (que só terminava em truco). Obviamente eu me preparei bastante e reprovei antes de ser aprovada pra faculdade.Foi, meu primeiro passo para os estudos superiores. Mas quando eu vi o resultado, o alívio me dominou eu me senti feliz, dormi melhor. Até começar a faculdade, matérias, trabalhos, provas, artigos, estágios, pesquisas, mais artigos, mais provas, mais trabalhos, mais trabalhos. Sufoco total.
           Fiz o concurso do Banco do Brasil duas vezes eu só passei bem classificada na segunda vez, esse ano, estudei durante 2 meses e alguns dias feito louca, eu dormia pouco, eu comia mal, eu vivia a base de energético, minha mão vivia doendo e eu pensei q ia morrer (juro pra vocês, acho que sou meio preguiçosa demais) mas estava lutando com unhas e dentes pela minha vaga eu precisava dar o primeiro passo na minha carreira. Mas eu já sei o que me aguarda, trabalhar mais do que 6 horas por dia, chefes de todos os jeitos, colegas de trabalhos de diferentes personalidades, clientes com a emoção a flor da pele, casa, comida, trabalho, faculdade, família, hobby, vida, ler, amar, comer, rezar, viver. Vais ser tudo muito diferente, vai ser tudo muito diferente. 
           Eu entendi. O primeiro passo não é difícil, não é complicado e não é o mais importante. It is all about the climb (É tudo sobre a escalada) ouvi em alguma música algo do tipo. E é verdade, quando damos o primeiro passo estamos rumo a uma escalada grande, perigosa e cansativa, só não vale desistir. É tudo sobre o caminho, o trajeto, pouco importa o início e o fim, que venha o meio, cheio de novos passos, pessoas, pedras, novidades, sorrisos, choros, vontades, mudanças de rumo, e tudo que há de melhor. 
           Que a nossa vida seja cheia de novos primeiros passos em nossa escalada, quero mais é viver intensamente, dar um passo novo às cegas, voltar, dar um passo diferente, mudar de rumo, persistir em dar o first step. Que o primeiro passo nunca seja o último.

          

Nenhum comentário:

Postar um comentário